Ir direto para menu de acessibilidade.
Portal do Governo Brasileiro
Página inicial > Notícias > DSEI Tapajós realiza mobilização para valorização de indígenas com deficiência
Início do conteúdo da página

DSEI Tapajós realiza mobilização para valorização de indígenas com deficiência

Escrito por Sandra Teixeira | Publicado: Terça, 23 de Agosto de 2016, 13h35 | Acessos: 612

Cadeiras de rodas e outros equipamentos foram entregues para ampliação das ações de saúde

O Distrito Sanitário Especial Indígena (DSEI) Rio Tapajós em parceria com a Prefeitura Municipal de Itaituba (PA), por meio do fundo de Incentivo a Atenção Especializada dos Povos Indígenas (IAEPI), realizou a I Mobilização para Valorização e Inclusão Social da Pessoa Indígena com Deficiência.

Dentre as ações, foram entregues 25 cadeiras de rodas aos polos base Restinga, Santa Maria, Waro Apompo, Missão Cururu e Teles Pires. Outras 38 cadeiras serão entregues até o final do ano nas localidades pertencentes às aldeias dos de Caroçal Rio das Tropas, Itaituba, Jacareacanga, Novo Progresso e Sai Cinza.

A coordenadora distrital Cleidiane dos Santos afirmou que a parceria para a realização das ações demonstra o fortalecimento da saúde indígena na região. “Esse público necessita de uma atenção especial por estar em áreas de difícil acesso, o que dificultava a locomoção ou remoção para atendimento. Agora com as cadeiras, é possível garantir a inclusão social destes indígenas, onde poderão participar de reuniões da comunidade, eventos religiosos, atividades de grupo de educação em saúde, entre outras atividades”, destacou.

Segundo a liderança indígena, Sindomar Waru Munduruku , a ação “é muito boa, porque os indígenas se sentem felizes e integrados à sua família. A comunidade em geral também fica satisfeita, vendo o ‘parente’ se locomover e interagindo com todos”, ressaltou.

A gestão de recursos financeiros, em parceria com a prefeitura municipal, pretende ampliar as ações de saúde nas comunidades indígenas. O DSEI Tapajós atende as etnias Munduruku, Kayapó, Apiaká e Kaiabi, divididos em 11 polos-base, 139 aldeias, 1.056 residências, 2.276 famílias, num total de 11.166 pessoas, o que abrange quatro municípios (Itaituba, Trairão, Novo Progresso e Jacareacanga).

Outras ações

Outros equipamentos também foram entregues para os polos-base visando ampliar o atendimento de atenção à saúde nas comunidades. Foram adquiridos biombos, macas, balanças, plataformas, camas, colchões, geladeiras, freezers, armários para medicamentos e organização de arquivos, entre outros.

Os materiais irão garantir qualidade na prestação de serviços para a população indígena, além de proporcionar melhor conforto às Equipes Multidisciplinares de Saúde Indígena (EMSI) que dedicam dias de trabalho à população aldeada.

 

 

Por Tiago Pegon
Fotos: DSEI Rio Tapajós

registrado em: ,
Fim do conteúdo da página